Pesquisa personalizada

sábado, 22 de maio de 2010

Guia Moderno de Boas Maneiras - Por CulturiFique

OK, OK, OK, eu sei muito bem que ninguém é dono da verdade mas acho que se algumas atitudes fossem tomadas como hábito frequente o nosso planetinha seria um lugar mais bacana para vivermos. Pensando nisso elaborei umas dicas para que todos vivam em paz e harmonia com seus semelhantes (parece conversa de igreja) e, espero que você leitor deixe seus comentários para que possamos, quem sabe, melhorar e aumentar essa lista.

Já aviso de antemão que quem quiser postar essa lista no seu blog, orkut, twitter, videocassete, walkman ou wathever, que fique à vontade só não esqueça do ítem 16.

Dica nº 1: Deixe seu Endereço.
Em redes sociais como orkut e twitter existe um campo onde é pedido que você coloque o local onde mora. Esse campo serve para que uma pessoa encontre outra só pelo lugar onde ela mora, só que muita gente fica preenchendo esses campos com bobagens como "Terra do Nunca", "Terra Média", "Hogwarts", "Acre"... Gente esses lugares não existem e dificultam no caso de uma pessoa realmente querer te encontrar na rede.

Dica nº 2: Diga Seu Nome e a Cidade de Onde está Falando.
Pessoal, na boa, qual parte dessa mensagem vocês não entendem? O negócio é simples, basta dizer o seu nome e o nome da cidade de onde você está ligando (só não vale dizer "Terra do Nunca" ou coisa parecida) para que, assim, a pessoa no outro lado da linha possa decidir se vai aceitar a ligação ou não. Já que a ligação é "à cobrar" você deve estar ciente, também, de que o receptor da chamada pode te cobrar pelos R$ 0,37 (ou valor que seja) da chamada.

Dica nº 3: PARE.
Quando você estiver dirigindo e vir uma placa vermelha, com uma escrita branca indicando PARE em uma esquina você, pelamordedeus, para. A placa ali na esquina não é uma obra de arte contemporânea tipo "The Cow Parade", ela está ali para evitar acidentes.

Dica nº 4: Identifique-se.
Quando telefonar para alguém (não à cobrar) acostume-se a usar frases como "Olá aqui é o Ciclano, o Beltrano está?" ou "Alô eu sou o Beltrano, posso falar com o Cilcano?" Assim a conversa fica mais fácil caso seja o pai da menina para a qual você está ligando que atenda o telefone.

Dica nº 5: Use o Cinto de Segurança.
Essa eu não precisava nem comentar, mas, but, o pessoal parece que não entende e inssiste em usar frases como "eu vou devagarinho" para não usar o cinto de segurança. Você até pode ficar andando nos seus 20 ou 30km/h tranquilo e, caso colida com algo, quebre "apenas" a sua cara na direção mas e se na faixa contrária vier um outro veículo nos seus normais 80km/h?

Dica nº 6: Deixe a Sacola no Supermercado.
Sabe quando você vai ao supermercado e compra algo como uma barra de chocolate ou um pacote de salgadinhos? Pois é, pra que usar uma sacola plástica para levar apenas um ítem que é perfeitamente fácil de carregar com qualquer uma das mãos, coisa que você faria com a sacola também?

Dica nº 7: Não Jogue Lixo na Rua.
Quando você estiver caminhando por aí comendo aquele salgadinho que comprou no supermercado por favor não jogue a embalagem em qualquer lugar, sério, mesmo que não haja uma lixeira por perto, carregue na mão ou ponha no bolso até encontrar uma lixeira apropriada.
Ou então não reclame daquela água podre que entrou na sua casa depois da enchente.

Dica nº 8: Leia Antes de Assinar.
Se alguém te der uma caneta e um papel cheio de letras miúdas e acompanhar o presente com algo como "É só assinar" não assine, pelo menos não antes de ler o contrato por inteiro. Muitas pessoas reclamam que não conseguiram trocar certo produto, ou que o valor cobrado é muito alto mas se esquecem de que não leram o documento e que, provavelmente nele estavam contidos todos os trâmites necessários para efetuar a troca e/ou evitar multas. Qualquer dúvida peça para que o contrato seja alterado pois é pra isso que contratos servem, para satisfazer ambas as partes interessadas.

Dica nº 9: Não Repasse Conrrentes de e-mail.
Sério mesmo, já viu algum canal de comunicação como jornal, revista, televisão e etc... comentar algo como "Menina Rafaela é Salva Graças à Corrente de e-mail" ou "Caçadores de Focas são Presos Devido a Denúncias em Conrrentes na Internet"? Acho que não, se sim, deixe o link nos comentários. Essas correntes só servem, além de encher o saco e a caixa de entrada, para coletar e-mails e para serem usados por empresas para divulgar proutos e serviços. Então, da próxima vez que você receber aquele e-mail que já começa com "Leia até o final, não é mentira..." já sabe, não passe adiante ou, pelo menos, não repasse para TODOS mas sim só para aqueles que você acha que vão achar esse tipo de "conteúdo" interessante.

Dica nº 10: Não Crie Lixo Virtual.
Você está em casa pensando na vida e, de repente, recebe uma luz e resolve criar um blog ou algo do gênero. As idéias já começam a fluir, as postagens, o layout só que, na hora de por o nome no blog, você descobre que ele já está sendo usado e, pior, desde 2005 ele não é atualizado e, pior ainda, a única postagem que ele contém é algo como "Olá pessoal esse é meu primeiro blog espero que vocês gostem". Vá se matar meu, não quer mais usar o blog, vai lá na tua conta e exclui ele, assim tu libera espaço pra quem realmente tem algo pra falar.

Dica nº 11: Não Estacione No Passeio.
Essa estranha frase nos diz que é proibido deixar o carro atravessado na calçada, mesmo que a casa e o carro sejam seus, pois é na calçada que os pedestres devem andar só que fica difícil quando o morador de uma casa decide deixar o carro parado bem no meio dela porque ele "só veio pegar uma coisa rápida em casa". Das duas uma, ou tu coloca o carro na garagem ou estaciona no meio feio como todo mundo mas por favor não aumente as chances de alguém ser atropelado.

Dica nº 12: Não Faz Mal caminhar.
Fico espantado quando algumas pessoas entram em locais como cafeterias, lancherias, lojas e afins bradando a frase "Tive que dar quatro voltas na quadra para conseguir uma vaga aqui na frente". Vamos aos cálculos: a pessoa gostaria de estacionar seu veículo próximo da loja em questão mas não coseguiu, então, ela decide ficar dando voltas na quadra até que alguma vaga, por intervenção divina, fique livre. Resumindo ela gastaria muito menos tempo e combustível se estacionasse, por exemplo, na quadra de baixo e viesse caminhando.


Dica nº 13: Deixe as Coisas Como Elas Estavam. Por Andressa Duarte.
Novamente, quando você estiver em algum comércio, por exemplo um supermercado, e decidir por comprar aquele salgadinho da dica 6 e, depois, quando estiver passando pela prateleira dos chocolates mudar de idéia sobre sua compra, por favor, mas por favor mesmo, não largue o salgadinho ali e pegue a barra de chocolate. Não pense que só porque as pessoas trabalham ali elas devem ficar sujeitas a esse tipo de comportamento. Então fia a dica: coloque o salgadinho na prateleira de onde você tirou. Ahhh, e essa dica também vale pra sua casa (caso você tenha uma empregada doméstica), para casa dos outros e para qualquer tipo de comércio.

Dica nº 14: Ligue o Pisca.
Lembra daquele botão que fica bem próximo do volante do seu carro ou moto que serve para indicar pra qual lado você vai? Pois acredite, ele funciona. Não só funciona como, além de diminuir riscos de colisão, evita que o pedestre ou outro motorista fique parado como uma palmeira-palhaço na esquina achando que você vai seguir em frente quando, na verdade, você dobra e rouba, isso mesmo, rouba aqueles segundos de vida de seu semelhante. Então quando for dobrar, ligue o pisca mas ligue, pelo menos, 50 metros antes da esquina.

Dica nº 15: Não Mexa em Acidentados. Por Ruben Braccini.
Eu me refiro a pessoas que acabaram de sofrer um acidente e estão apenas esperando o resgate chegar e não aquele seu vizinho que caiu da escada no ano passado. Quando você presencia um acidente seja ele de trânsito, de trabalho ou um passe de dança que não deu certo é normal que surja aquele espírito que lhe diz "Vá ajude aquela pessoa". Melhor não, sério mesmo, não faça isso. Esse pedido se dá por que muitas pessoas acham que quando um motociclista cai a melhor coisa a fazer é retirar o capacete e/ou movê-lo, como se fosse um saco de cimento, pela rua sem se preocupar com aquela costela quebrada que pode perfurar o pulmão ou a vértebra que só não tornou o cara tetraplégico por causa do capacete. Deixe esse trabalho para o pessoal do resgate, são eles, os profissionais treinados para essas situações, que vão saber como remover o ferido para o hospital. Só pra constar, isso vale para vítimas de choque elétrico também.

Dica nº 16: Não Faça Plágio.
Essa vai pra galera blogueira que não tem capacidade de criar algo interessante sozinho e acaba simplesmente copiando o que os outros escrevem. Pode copiar, pode por no seu blog aquela matéria sobre "receitas com ovo frito que emagrecem" que você viu em outro site só que, pela sobrevivência do bom senso mundial, C I T E A F O N T E. Não custa nada e é rapidinho, é só dar um ctrl+c na url do blog fonte e colar lá no seu blog assim: "Fonte: http://blogdofulano.com".
Pronto, não dói e, além de mostrar que você é uma pessoa educada, mostra que seu blog tem estilo.

Por hoje é só, aguardo seus comentários para dar continuação nas dicas e brigado pela leitura.

3 comentários:

Andressa disse...

Muito boa as dicas! Essa n° 10 é a que me deixa mais putadacara! Por causa disso tive que colocar um 2 no terra do nada do meu blog por que já existia um que não tinha nada (esse levou o nome a serio)... logo nas minhas primeiras postagens escrevi sobre isso.
São dicas bem simples essas que vc postou e não vai cair o dedo de ninguém por fazê-las.
Caso eu lembre de alguma dica eu dou um grito!... opa mais uma! DICA: reze baixo Jesus não é surdo!

Anônimo disse...

Gostei Rob Song, mas ainda faltou o ítem: "Separe o LIXO".
Puêrra, como tem gente que ainda não entendeu a mecânica básica desse processo.

flw
sandoval

Robson Duarte disse...

É Andressa,essa é complicada mas dá pra fazer alguma coisa.

Pode deixar Sandoval porque a lista vai continuar.
Na próxima coloco essa e te mando os créditos.

Abrazz.

Postar um comentário